sábado, 21 outubro 2017
Últimas Notícias

Coreia do Norte faz teste nuclear e anuncia ter bomba H pronta para lançamento

A Coreia do Norte anunciou a realização bem-sucedida de um teste nuclear com uma bomba que poderia ser transportada por um míssil de longo alcance.

Horas depois de sismógrafos terem detectado um tremor no território do país asiático, suas autoridades emitiram um comunicado informando que o sexto teste nuclear de sua história fora um “perfeito sucesso”.

Segundo Pyongyang, a arma testada foi uma bomba termonuclear, cujo potencial destrutivo é muito maior que o de bombas atômicas.

Para analistas internacionais, é um sinal claro de que a capacidade nuclear norte-coreana está avançando, ainda que as afirmações do governo sobre sua disponibilidade para uso devam ser tratada com precaução.

O último teste realizado pela Coreia do Norte foi em setembro do ano passado, mais uma vez em desafio a resoluções da ONU. Nos últimos meses, o país disse ter desenvolvido mísseis capazes de atingir o território dos EUA e, na semana passada, disparou um foguete que voou sobre o Japão.

Autoridades da Coreia do Sul disseram que o teste foi realizado no campo de Punggye-ri e que o “terremoto artificial” gerado pela explosão foi quase 10 vezes mais poderoso que o detectado no teste de setembro.

Horas antes, Pyongyang anunciara ter desenvolvido uma bomba de hidrogênio miniatura para ser usada em mísseis. O líder do país comunista, Kim Jong-un, apareceu em fotografias ao lado do que a mídia estatal disse ser um novo tipo de artefato nuclear.

O regime isolacionista norte-coreano já fez afirmações do gênero antes, mas especialistas em armamentos nucleares questionaram a veracidade dos comentários. Há ainda quem duvide da capacidade do país para desenvolver uma bomba de hidrogênio, cujo processo é muito mais complicado que o de um bomba atômica.

O que parece clara é a disposição de Pyongyang de mostrar seu poderio militar.

“A assinatura sísmica desta bomba tem magnitude maior que a de outros testes. De acordo com as informações que temos, não é definitivo que uma bomba termonuclear tenha sido testada, mas é uma possibilidade”, disse à BBC Catherine Dill, especialista do Centro James Martin para Estudos de Não-Proliferação, em Washington.

Bombas de hidrogênio usam um processo de fusão nuclear, em que átomos são aglutinados para liberar incríveis quantidade de energia – maiores que as de bombas atômicas, baseadas no processo de fissão nuclear, em que os núcleos de átomos são “partidos”.

Reações

O presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, pediu a resposta “mais forte possível” para o teste nuclear, incluindo mais sanções do Conselho de Segurança da ONU. A China, o maior aliado da Coreia do Norte, condenou o teste.

“A Coreia do Norte ignorou a oposição da comunidade internacional ao fazer um novo teste nuclear. O governo chinês expressa sua condenação veemente”, disse Pequim, por meio de um comunicado do Ministério das Relações Exteriores.

A Agência Internacional de Energia Nuclear classificou o teste como “um ato lamentável”.

BBC Brasil

guanabara meio

Além disso, verifique

Sortudo em Lagarto ganha R$ 649 mil na Lotofácil

Uma aposta realizada em Lagarto/SE acertou os 15 números da Lotofácil no sorteio realizado na ...

Facebook Twitter Google+ linkedin email Outras Redes