domingo, 10 dezembro 2017
Últimas Notícias

Júri popular do caso Crizan acontece nesta quinta-feira

O jovem de 21 anos, Crizan Cruz Santos, foi encontrado enterrado no canteiro de obras em que trabalhava, no dia 12 de março de 2015, no bairro Suíssa, em Aracaju.

Após dois anos e meio, acontece o júri popular. Os acusados, Edinaldo Andrade (Encarregado da Obra), Carlos Ruan Andrade Vieira (Vigia e sobrinho do encarregado) e Nailton Vitório Santos (Pedreiro), serão julgados nesta quinta-feira (05), às 8h, no Fórum Gumersindo Bessa, em Aracaju.

A família ainda busca consolo devido à trágica partida do jovem. Eles pedem por justiça e convida toda a comunidade para se fazer presente no júri popular. Um micro-ônibus sairá às 06h, do Colégio Gilberto Amado, em Estância, com familiares e amigos da vítima.

O crime

O corpo de Crizan foi encontrado no dia 12 de março de 2015, quase quinze dias após o seu desaparecimento. Ele estava enterrado na obra onde trabalhava como ajudante geral, na construção de um posto de saúde.

A bicicleta da vítima foi peça fundamental para que a polícia pudesse solucionar o caso. O pedreiro Nailton Vitório Santos recebeu voz de prisão no hospital onde estava internado depois de sofrer um acidente de trânsito com a bicicleta da vítima, dias depois que Crizan desapareceu.

Redação F5 Sergipe

guanabara meio

Além disso, verifique

Delegada Clarissa Lobo deixa a Derpol de Estância

A Delegada responsável pela Pasta de Crimes Contra o Patrimônio, doutora Clarissa Lobo, está deixando ...

Facebook Twitter Google+ linkedin email Outras Redes